Com uma carreira de 20 anos, Ana Saramago dá nome a um dos cabeleireiros mais conceituados da região Oeste. Um percurso de sucesso, sempre feito em equipa.

Inicialmente no centro da cidade, e posteriormente na periferia das Caldas da Rainha, este salão sofreu recentemente uma reviravolta de 180 graus, através de uma remodelação total.

Com inspirações nova-iorquinas, o salão ‘Ana Saramago Cabelereiros’ ganhou um ar industrial mas, ao mesmo tempo, com um toque requintado. Mas Nova Iorque não é a única cidade ali representada. São muitas os clientes que referem um estilo parisiense nas salas de estética. Num investimento colossal, só restaram as paredes por forma a dar vida a um espaço único, original, com carácter.

Com um espaço mais amplo, fizeram-se novas contratações e são já 12 os profissionais que ali dão o seu melhor.

Quanto a serviços disponibilizados, Ana Saramago, proprietária do espaço, diz-nos que não falta nada. “Temos tudo. Desde o cabelo ao corpo. Entre outros serviços, oferecemos jet bronze, vacuoterapia, pressoterapia, drenagem linfática, depilação a laser, massagem de relaxamento, cavitação, pedicure, manicure… Tentamos ter tudo o que envolva bem-estar”, disse-nos a profissional, reforçando que “é imprescindível que quem nos escolha encontre mesmo tudo”.

Outro dos serviços nobres que este espaço disponibiliza é o apoio a mulheres com problemas oncológicos através da elaboração de cabeleiras.

“Esta ideia surgiu há 17 anos, através de uma pessoa que me procurou no sentido de a ajudar a rapar o cabelo e a colocar-lhe uma prótese capilar. As cabeleiras não são um negócio, são algo que eu faço de coração. O cabelo é a moldura do rosto e principalmente para as mulheres, perdê-lo afeta-as bastante. Hoje em dia já é possível ter um aspecto mais natural e por isso temos investido muito nesta área.”

Tendências

Quando questionada acerca das tendências para os próximos tempos, Ana não tem dúvidas de que a cor é o futuro, balayages e ombres são grandes tendências nesta área. “Na realidade estamos numa fase de cor e até as adolescentes começam desde cedo a querer apostar nos ombres. É um serviço que não deixa crescimento, transmite um ar discreto e como não precisa de manutenção, é bastante procurado.”

Para além do seu salão, Ana Saramago integra a equipa artística da marca de produtos para cabelo Redken, o que lhe dá a possibilidade de participar em novos projetos, durante todo o ano e estar sempre a par de toda a dinâmica e de todas as tendências a nível internacional relacionadas com o cabelo.

Mensagem de boas festas

Ana refere que mais do que tratar da beleza exterior, é imprescindível ouvir o cliente, acolhê-lo com um sorriso, para que perceba a que ponto é importante.

Refere ainda o papel que os cabeleireiros têm na vida dos clientes. “A cada meia hora, os profissionais de cabelo e estética, adequam o seu estado emocional a quem servem. Ora temos alguém que se vai casar e que está eufórico, ora temos alguém que chora porque se vai divorciar, a seguir atendemos uma que está grávida, um que vai ser pai e eventualmente logo depois alguém que perdeu um filho. Em termos de alterações emocionais, julgo que as pessoas nem têm a noção daquilo com que lidamos. Ha quem olhe para a nossa área como algo de muito material, mas é muito mais do que isso. Trabalhar com o público é algo que eu adoro e que me faz crescer enquanto pessoa.”

Nesse sentido, esta profissional que criou um espaço muito próprio e de referência já nacional, não quis passar esta oportunidade sem deixar uma mensagem aos seus clientes e à sua equipa:

“Quero desejar boas festas a todos e espero que esta seja uma época para entendermos como tudo seria melhor, se conseguíssemos que este espírito durasse todo o ano.

O nosso lema é: “Mais do que cabelos, tocamos corações” porque fazemos tudo com muita paixão e criamos uma relação muito especial com quem nos escolhe.

“Acredito que sozinhos vamos mais depressa, mas acompanhados vamos mais longe e, por isso, faço tudo para ter uma equipa sempre motivada que encare a sua presença na empresa, não como um trabalho mas sim uma missão”.
Ana Saramago Cabeleireiros  é hoje mais do que uma marca, é um conceito, uma filosofia aplicada ao mundo do cabelo e sem a equipa toda que tem por trás, não seria a mesma.”

 

Partilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone