20170615_184909

 

Numa pegada geracional, fruto de quem trabalha nesta arte desde os 11 anos de idade, António Carrilho Lopes assumiu o legado do seu pai, fundador do projeto que hoje é, sem margem de dúvida, pioneiro neste nicho de mercado. Com uma forte estratégia comercial, que lhe permitiu, por exemplo, em 1998 ser presença pela primeira vez numa área de serviço em Portugal, toda a produção tem um escoamento garantido. Fruto desta aposta, a Olaria Carrilho Lopes encontra-se hoje dispersa, através de pontos de venda, por todo o país, nomeadamente nos principais aeroportos do nosso país, fazendo das suas obras de arte embaixadores de Corval por todo mundo.
O processo de manufaturação mantém-se fiel à tradição. São pessoas qualificadas e com amor a esta arte que garantem, em todas as fases do processo, desde a roda de oleiro à pintura manual, a qualidade e beleza que é marca de todos os produtos desta casa. A juntar a este conhecimento de décadas de experiência, a Olaria Carrilho Lopes conta com os melhores equipamentos, nomeadamente fornos de precisão e formas únicas, de forma a garantir um produto de excelência, que perdure em beleza durante gerações.
E é neste amor à arte, que António Carrilho Lopes se debate com a falta de novos elementos qualificados, quer na pintura e também na olaria de roda. Com uma produção frutífera e um stock constantemente escoado, o único receio que encobre o espírito deste empresário é a ausência de jovens oleiros que possam garantir um saudável continuar da arte. É fulcral que as entidades competentes, nomeadamente o município e os polos de formação regionais procurem investir nesta arte, de forma a preservar uma das mais genuínas e belas tradições alentejanas.
Visite a Olaria Carrilho Lopes na sua oficina, em São Pedro do Corval, ou na sua loja de exposição e venda, no Castelo de Monsaraz.

Partilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone