Manuel Libório, presidente da Junta de Freguesia da Folhadela, Vila Real, apresenta os projetos e o futuro que traça para a freguesia. A cumprir o segundo mandato, Manuel Libório confessa ser um autarca que gosta de estar perto dos seus fregueses e sempre em sintonia com a equipa que o acompanha.

A delegação de competências é vantajosa para o funcionamento da Junta de Freguesia da Folhadela?

Quando cheguei à Junta de Freguesia, logo no primeiro mandato, tentei implementar a dinâmica e celeridade com que tratava os assuntos nas empresas de que sou gestor, mas depressa me apercebi que não era possível trabalhar desta forma em organismos estatais. A delegação de competências poderá vir a ser útil, na medida em que alguns processos poderão tornar-se mais céleres, mas só se esta delegação de competências vier acompanhada com o devido financiamento. As novas regras ditaram a integração de dois funcionários que prestavam serviços a este nosso organismo e realizámos as obras que considerámos mais prementes para a comodidade dos fregueses.

Há algum projeto que idealize concretizar antes de terminar este mandato?

Gostava de proporcionar mais e melhores condições para a população sénior da freguesia. Esse objetivo seria mais facilmente concretizado com a criação de uma IPSS na freguesia de Folhadela, servindo toda a população, gerando emprego e ajudando a fixar população jovem na freguesia. Neste momento não temos, por constrangimentos legais, nenhuma estrutura apta para receber a população idosa proporcionando-lhes momentos de descontração e de convívio. A ação social é cada vez mais importante e, por isso, realço este projeto. Mas queremos criar mais e melhores acessibilidades, garantindo a segurança rodoviária, pois entendemos que esta é uma via para a modernização e dinamização da freguesia.

Para quem quer visitar Folhadela, quais os locais que recomenda?

A freguesia de Folhadela tem diversas infraestruturas, fruto da proximidade com a cidade de Vila Real. Temos o campus da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro instalado na freguesia e digna de ser visitada, quer pela sua importância académica, quer pela beleza dos seus jardins botânicos. Temos a Igreja Matriz de estilo românico tardio e cuja edificação remota ao século XV. Orgulhosamente, também temos instaladas na nossa freguesia estruturas importantes para o concelho como a Adega Cooperativa de Vila Real, o Aeródromo de Vila Real, o Kartódromo de Vila Real, a Escola Fixa de Trânsito que atrai (pequenos) alunos de todo o distrito, uma escola equestre, um centro de alto rendimento, o Clube de Ténis de Vila Real e a Banda de Música da Portela, que é uma das mais antigas bandas filarmónicas do país contando já com 178 anos de existência. Temos também vários restaurantes na freguesia, com uma variedade gastronômica muito típica da região. Podem também provar um doce típico, o ‘pito de Santa Luzia’, que está associado à festa da padroeira de Vila Nova. Temos uma outra tradição, já muito antiga, que é a festa do Carolo onde várias cestas de pão são levadas até ao altar para serem benzidas e oferecidas à população local em agradecimento pelas colheitas do ano. A oferta é feita através de dois moradores mais velhos da freguesia que sobem até à torre da igreja e atiram o pão para a multidão que se junta à porta da mesma.

Considera-se um autarca próximo da população?

Faço questão de o ser e de aproximar os fregueses desta instituição. A contratação dos dois funcionários foi precisamente no sentido da população sentir que a Junta de Freguesia está de portas abertas para os receber, perceber as suas necessidades e ajuda-los em questões que podem parecer simples mas que, muitas vezes, para algumas pessoas são processos complexos, nomeadamente na utilização de serviços digitais dos serviços públicos, como por exemplo o e-fatura, o IRS ou mesmo no registo do MySNS. Estamos sempre atentos às questões do dia a dia e tentamos antecipar os problemas antes dos mesmos acontecerem. Infelizmente, o orçamento não nos permite chegar a todo o lado ao mesmo tempo e isso obriga-nos a ter que gerir os recursos financeiros de uma forma rigorosa. Entendemos, por isso, que a antecipação dos problemas nos ajuda a evitar gastos não previstos.

Quer deixar uma mensagem para os seus fregueses?

Apenas quero reforçar que podem contar sempre com a Junta de Freguesia de Folhadela, pois tudo faremos para garantir o bem-estar da população, contribuindo também para uma melhor oferta desportiva e cultural, com a ajuda das nossas associações desportivas e culturais, que são incansáveis na divulgação da freguesia e das suas tradições e costumes. Na ação social, continuaremos a organizar os eventos e atividades para os jovens e idosos, com atividades de convívio e aprendizagem recíproca.

 

Partilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone