António Ferreira - Presidente
António Ferreira – Presidente

Visitámos a vila de Sangalhos e descobrimos os seus muitos pontos fortes: uma grande aposta no desporto distingue-a de todas as outras freguesias, mas há muitas outras características a descobrir. Aqui estão reunidas todas as condições para um maior desenvolvimento, que até já está a decorrer.

Fomos recebidos por António Floro dos Santos Ferreira, presidente da Junta de Freguesia. Diz a expressão ‘partindo do geral para o particular’, e foi dessa forma que iniciamos a nossa entrevista. “Anadia é, a nível financeiro, dos poucos concelhos do país que paga aos seus fornecedores quase na hora”, declarou o presidente “com um certo orgulho”.

Atualmente, o partido que está no poder na Câmara Municipal de Anadia é o MIAP, Movimento Independente Anadia Primeiro, mas as diferentes ‘cores políticas’ não impedem todas as freguesias de se darem bem entre si e de serem “tratadas por igual”, esclareceu António Floro, e acrescentou  que “eles próprios reconhecem isso, estamos todos a trabalhar para o bem do concelho”.

Agora sim, passamos ao particular, mais especificamente aos pontos fortes de Sangalhos. A freguesia é conhecida nacionalmente pela sua indústria de fabrico, comercialização e exportação de bicicletas. Quisemos saber como surgiu esta especialização, ao que o nosso entrevistado respondeu que teríamos de “recuar até ao ano de 1900. Quando nasceu a bicicleta a nível mundial, Sangalhos foi dos primeiros importadores de bicicletas inglesas”, desta forma, “o ciclismo português centralizou-se aqui”. Daí, expandiu-se para os concelhos vizinhos e para o restante país, coincidindo com o aparecimento das bicicletas motorizadas.

O culminar da especialidade consiste no Centro de Alto Rendimento, mais conhecido por Velódromo. “Inicialmente, a obra nasceu apenas para ser utilizada como pista de ciclismo, mas depois, e muito bem, outras federações (ginástica, esgrima e judo) juntaram-se e têm aqui o seu espaço. Deu outro aproveitamento e outra rentabilidade ao recinto”, manifestou o presidente.

No fim de semana anterior à nossa visita, a Federação de Ginástica festejou 66 anos de existência no Centro de Alto Rendimento, celebração na qual todo o país esteve representado.

Um outro ponto forte desta terra são os espumantes naturais, considerados como os melhores de Portugal. “Em 1875, um anadiense foi estagiar para França e aprendeu a fazer o espumante, baseado no champanhe francês. Assim, implementaram o sistema em Anadia, mais especificamente na freguesia de Sangalhos. Os terrenos desta região possuem qualidades adequadas à produção de uvas para bons espumantes e  tintos Bairrada”, narrou António Floro.

Sangalhos é das poucas freguesias em Portugal que, não sendo sede de concelho, tem uma Misericórdia, fundada já lá vai quase um século. Para além disso, esta instituição, também dispõe de uma residência sénior, um hospital e de um Centro de Acolhimento Temporário (CAT) para crianças abandonadas. A nível escolar possui um Centro Escolar, inaugurado recentemente, que centralizou as várias escolas do 1º Ciclo espalhadas pela freguesia.

De referir, ainda, os vários prazeres gastronómicos disponíveis nesta terra. O edil António Floro convida os visitantes a provar o Leitão da Bairrada (cuja confraria tem aqui sede) e os bolos regionais. “Sabemos receber muito bem”.

Relativamente ‘aos da casa’, os sangalhenses têm vindo a diminuir, nas habituais fugas para os centros urbanos. Porém,recentemente“nota-se a retoma da procura por parte das pessoas”, nomeadamente a nível industrial. A freguesia tem duas zonas industriais e, de momento, não tem nenhum lote disponível para venda. “Estamos a tentar expandir a zona industrial. Eu não sei se isto é para durar, mas noto que este ano, pelo menos em relação aos anos anteriores, há mais dinâmica”, uma maior procura que justifica a expansão planeada.

Já estão a aparecer várias vivendas para construir”, informou-nos, “esta zona é espetacular! Estamos a poucos quilómetros de Coimbra e de Aveiro, também estamos muito perto da autoestrada. Sangalhos tem qualidade de vida e bons terrenos para construir, só faltam os empresários. Tem tudo para crescer,  e estamos a trabalhar nesse sentido”, revelou-nos.

Presidente presente

António Floro dos Santos Ferreira desempenha o cargo de presidente da Freguesia pela segunda vez e nestes oito anos já conseguiu reabilitar certas ruas e abrir outras que eram inexistentes até à data, “sempre com a colaboração da Câmara Municipal”, como nos esclareceu o próprio. “Fez-se um pavilhão novo ao Sangalhos Desporto Clube, de forma que, neste momento, o clube tem dois pavilhões”.

No futuro mais próximo, ainda este mês, vai iniciar-se “a requalificação de uma rua que dá acesso à Misericórdia de Sangalhos”. A médio prazo, será requalificada a rua que dá acesso ao Velódromo para prevenir possíveis acidentes. Já em 2017 “ficará pronta a pista olímpica de BMX” e será inaugurado o Museu de Duas Rodas.

Só falta mencionar que António Floro será candidato novamente para o próximo ano: “Não era para me candidatar, mas devido a umas situações que surgiram eu mudei de ideias para apoiar a presidente que está hoje em funções”.

 

Partilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone