Prestes a celebrar o 15.º aniversário, a AcrossCoast assume-se a cada dia uma imobiliária de referência nacional. Guiada por valores tradicionais, e onde impera a verdade, dedicação e empenho, a Acrosscoast conta com uma equipa de profissionais de excelência, selecionados à imagem da agência. Isabel Pinho é o rosto por detrás da Acrosscoast e foi com ela que estivemos à conversa para esta edição da revista Portugal em Destaque. Em entrevista, Isabel Pinho revelou alguns dos segredos para o sucesso alcançado e deu a conhecer um dos principais objetivos da agência para o futuro: lançar a marca como franchising.

AcrossCoast - Isabel Pinho - imagem apresentação
Isabel Pinho, AcrossCoast

A operar um pouco por todo o país, a AcrossCoast é já uma referência no mercado imobiliário nacional. Poderíamos começar a nossa entrevista por conhecer um pouco melhor este grupo, que atua no mercado de venda e arrendamento de imóveis e investimento imobiliário e o que a motivou a criar este projeto?

A Acrosscoast festeja a 14 de agosto deste ano o seu 15.º aniversário e surgiu inicialmente como um complemento à empresa de construção que tinha nessa altura. No entanto, muito rapidamente me apaixonei por esta área dos negócios imobiliários, e penso que algumas características minhas tal como a perseverança, o gosto pelas relações pessoais e pela adrenalina de concluir um negócio entre duas partes, que normalmente têm interesses muito contraditórios, fizeram-me dedicar 100 por cento a esta área, deixando de parte a construção/Engenharia e a formação, durante anos.

A AcrossCoast assume como principal objetivo “encontrar o equilíbrio entre a oferta e procura, para proporcionar um negócio satisfatório para ambas as partes”. Que bandeiras têm guiado a equipa no sentido de atingir este compromisso?

A Acrosscoast foi uma empresa criada à minha imagem, uma empresa 100 por cento portuguesa, com valores tradicionais, que honra os compromissos e onde a palavra conta. Onde a educação e o respeito são fundamentais. Dedicada a um público exigente, como muitos investidores, que gosta de qualidade, quem connosco trabalha sabe que pode contar com isenção e com profissionais dedicados e empenhados em defender os interesses dos seus clientes. Gostamos de nos apresentar como uma imobiliária tipo “boutique”, onde cada cliente é tratado como um caso único, e para o qual, por vezes, temos de encontrar soluções únicas e complexas, para alcançarmos a sua satisfação. Esta postura e forma de estar no mercado tem-nos trazido uma grande fidelização de clientes aos longo dos anos, que acabam por nos referenciar e trazer amigos, quando pretendem uma garantia de qualidade e rigor. Trabalhamos com a verdade, mesmo quando essa não é a versão mais agradável para os clientes, ou para os comerciais. Quem se dirige à nossa empresa sabe que somos seguros do nosso trabalho. Entendemos que a qualidade passa por aqui. Trabalhamos com clientes e comerciais inteligentes e damos-lhes o respeito que merecem.

AcrossCoast - Isabel Pinho
Isabel Pinho, AcrossCoast

O mercado imobiliário é um dos mais competitivos. Uma equipa de profissionais experiente, dedicada e capaz de satisfazer as necessidades dos clientes é fundamental para fazer a diferença perante o cliente e no mercado de trabalho. Como caracteriza a equipa das agências AcrossCoast?

Entendemos que esta é uma área onde os comerciais devem ser profissionais. A carreira no setor imobiliário exige vocação, empenho e vontade de melhorar a cada dia, não pode ser vista como uma carreira alternativa para quem ficou desempregado. Por isso, trabalhamos com profissionais selecionados de acordo com a personalidade da nossa empresa. Entendemos que muita quantidade, dificulta a qualidade, por isso, selecionamos as pessoas e trabalhamos com equipas mais pequenas, mas que trabalham e vendem consistentemente, mês após mês.

A pandemia mudou a forma como se “vive” em casa. O facto de hoje passarmos mais horas dentro de casa, levou as famílias a perceber que necessitam de outro tipo de espaços e a procurar imóveis em zonas mais periféricas? Como avalia, atualmente, o mercado imobiliário português?

Na minha opinião, a pandemia fez as pessoas terem mais tempo para pensar as suas escolhas de vida, para acentuar o que de bom havia, mas também serviu para expor mais as fragilidades. Isso levou a alterações nas opções na compra ou troca de casa, não necessariamente apenas na saída para a periferia, mas também a procurar opções diferentes das que tinham. Apesar da pandemia, o mercado imobiliário continua muito ativo e estamos a verificar que a procurar internacional está a voltar, o que são, obviamente, boas notícias.

Isabel Pinho, AcrossCoast

Com um percurso marcado pelo sucesso e comprovado pela qualidade, a AcrossCoast é cada vez mais uma opção no momento de vender ou arrendar casa. O que podemos esperar da AcrossCoast para o futuro e quais as bandeiras que continuarão a guiar a sua atuação no mercado imobiliário nacional?

A Acrosscoast está a lançar a marca como franchising e vai abrir, muito em breve, uma loja no Estoril, junto ao Casino, para especial enfoque no mercado de Luxo e investimento. Para o futuro, damos a garantia aos nossos clientes de continuar a trabalhar com a verdade, dedicação, empenho e respeito pelos interesses de ambas as partes, para conseguir negócios onde todos os intervenientes se sintam satisfeitos. Porque um negócio só é um sucesso, se for bom para ambas partes.

AcrossCoast