Fundada em meados dos anos 80 e liderada por um espírito empreendedor e uma vontade inovadora, a Alcima foi gradualmente crescendo e tornando-se uma referência a nível local e regional. Atualmente dotada de recursos humanos qualificados e maquinaria moderna, a empresa gaiense está habilitada a operar serviços distintos e trabalhar diversos tipos de metal. Em entrevista à revista Portugal em Destaque, os sócios da empresa dão a conhecer um pouco melhor este projeto cujo carácter polivalente é o principal segredo para o sucesso alcançado.

Alcima Fachada
Alcima – fachada

Com mais de 30 anos de atividade, a Alcima pretende assumir-se no setor da metalomecânica como uma empresa versátil, multifacetada e polivalente. A empresa de Vila Nova de Gaia foi crescendo gradualmente, sabendo posicionar-se no mercado, apostando na qualidade e na multivalência do seu trabalho dentro do setor da metalomecânica. “A Alcima foi acompanhando ao longo dos anos a conjuntura e as exigências do mercado e adaptando, o melhor possível, o seu leque de serviços”, começa por explicar Manuel Menezes, sócio e gerente da empresa.  A atividade da Alcima cinge-se às construções metálicas, dividindo-se em várias secções de trabalho distintas ligadas ao ferro, aço inox, alumínio e latão, etc. Apesar do core business da Alcima estar, neste momento, mais focado na construção de mobiliário metálico e decoração de interiores, a empresa gaiense também se dedica ao fabrico de caixilharias de alumínio, corrimões, gradeamentos, entre outras construções metálicas diversas. Esta plurivalência permite à Alcima ter uma carteira de clientes diversificada e especializar-se em vários tipos de construções metálicas. “A empresa desde sempre procurou assumir um carácter polivalente e versátil, sempre preferimos ter uma maior abrangência de serviços e não focar a atividade da empresa numa única área. Esta versatilidade permite-nos estar bem posicionados em variadas áreas e enfrentar com maior segurança períodos menos positivos como os trazidos pela pandemia. Procuramos pensar um pouco fora da caixa e fazer trabalhos que outras serralharias não conseguem fazer. Apostamos em mobiliário executado em ferro ou aço inoxidável, com vários tipos de tratamento e ou acabamento, peças de arte, entre outros, que nem todas as serralharias têm capacidade e disponibilidade para fazer”, esclarece Fernando Sousa, gerente da Alcima.

Além de uma forte presença no mercado nacional, a Alcima tem uma aposta relevante no mercado externo, com projetos executados em vários países, como por exemplo no Dubai, Roménia (Parklake), Luxemburgo (Mama Shelter Luxemboug), entre outras, fruto desta flexibilidade e capacidade de adaptação ao mercado, mas também graças à aposta na inovação e na criação de parcerias de confiança que nos permitem prestar o melhor serviço aos nossos clientes”. Capaz de apresentar várias soluções ao cliente e trabalhar cada projeto à medida das suas necessidades, a Alcima é hoje uma referência nacional e internacional no setor da metalomecânica. Esta atenção e acompanhamento que deposita em todo e qualquer trabalho tem transmitido aos clientes segurança e uma garantia de qualidade. “A referenciação tem sido o nosso principal aliado. Muitas das obras que fizemos no estrangeiro foram resultado de referenciação o que comprova, inequivocamente, a qualidade do trabalho desenvolvido por toda a equipa e parceiros”, realça Fernando Sousa.

Com uma equipa de colaboradores especializados, alguns deles com mais de 30 anos de casa, e um parque de máquinas completo a empresa pretende agora dar um novo passo rumo à digitalização. “O nosso grande objetivo passa por digitalizar a empresa. Já estamos a reestruturar toda a empresa a nível de gestão, de qualidade e a nível de trabalhos, mas queremos fazer mais. A pandemia veio relembrar que não podemos estagnar e, por isso, vamos dar início a uma nova era na Alcima”, esclarece. Para além disso, a empresa pretende continuar a ser uma referência em qualidade, mantendo os seus clientes e parceiros. “O nosso objetivo será sempre manter a qualidade que tanto nos caracteriza. Queremos ser reconhecidos pela garantia de qualidade em cada projeto que a Alcima desenvolve”, finaliza Fernando Sousa.

Alcima