Com sede na Rua Fernando Lopes Graça, em Lisboa, a Electro Canalizadora de Camarate é uma empresa portuguesa que conta já com um vasto conhecimento e experiência na área da construção civil. Com um diversificado leque de serviços, a empresa liderada por Pedro Sequeira assegura o melhor resultado a todos os seus clientes e parceiros, como comprova o estatuto PME Excelência alcançado em 2020. Um exemplo de rigor e profissionalismo que vale a pena conhecer nesta edição.

Pedro Sequeira, Ana Martins e Claudia Evangelista - Electro Canalizadora de Camarate, Lda.
Pedro Sequeira, Ana Martins e Claudia Evangelista – Electro Canalizadora de Camarate, Lda.

Com uma equipa de profissionais experiente, a empresa vem registando um crescimento sólido ao longo dos anos de atividade, como pode comprovar o estatuto PME Excelência alcançado pela empresa em 2020. Gostaria de escutar a sua reação a este reconhecimento e o que distanciou a Electro Canalizadora de Camarate no mercado nacional.

A notícia de que tínhamos atingido o estatuto de PME Excelência deixou-me a mim e à equipa, que trabalha comigo diretamente, muito contentes. Foi um reconhecimento do trabalho árduo de um ano atípico. Todos os funcionários da Electro Canalizadora de Camarate contribuíram para que a empresa atingisse este estatuto. Este é um prémio de todos e um reconhecimento muito merecido.

A Electro Canalizadora de Camarate conta já com uma vasta carteira de clientes e parceiros a quem a empresa dedica toda a atenção. Atualmente, quais os serviços que a empresa tem disponíveis ao mercado?

Atualmente, a Electro Canalizadora de Camarate foca a sua atividade no ramo de eletricidade, AVAC, canalização e remodelações de interiores, em todas as áreas da construção civil.

A Electro Canalizadora de Camarate assume como principal compromisso a dedicação e profissionalismo, de forma a satisfazer da melhor maneira todos os que procuram os seus serviços. Hoje, mais do que nunca, é imprescindível marcar a diferença no mercado?

Hoje, mais do que nunca, qualquer setor de atividade tem muita concorrência e na construção civil a realidade não é diferente. Para nós, a diferença está nos pequenos detalhes. Os excelentes profissionais que temos, garantem que todo o trabalho é entregue na perfeição. Para além dos funcionários, a nossa grande preocupação é cumprir os prazos estipulados pelos nossos clientes.  A estes dois pormenores, juntamos os preços competitivos que fazem também toda a diferença.

A pandemia provocada pela Covid-19 trouxe consigo inúmeros desafios, que tiveram o seu impacto um pouco por todo o país. Atualmente, como avalia o setor da construção civil, para o qual presta a maioria dos seus serviços?

Portugal e o mundo estão a viver um momento atípico, a Electro Canalizadora de Camarate também teve que se adaptar à nossa nova realidade. As obras sofreram alterações no seu plano de saúde e segurança no trabalho. Houve uma redução de funcionários por obra e foram implementadas outras regras como trocar a cada quatro horas a máscara respiratória. Não foi fácil a adaptação, mas felizmente a Electro Canalizadora de Camarate conseguiu contornar todas as dificuldades que foram aparecendo, continuando a prestar um serviço de excelência a todos os seus clientes.

Pedro Sequeira, Ana Martins e Claudia Evangelista - Electro Canalizadora de Camarate, Lda.
Pedro Sequeira, Ana Martins e Claudia Evangelista – Electro Canalizadora de Camarate, Lda.

Na sua opinião, quais são, atualmente, as principais dificuldades que a Electro Canalizadora de Camarate encontra no exercício das suas funções? A falta de mão de obra qualificada ainda continua a ser o principal problema?

A principal dificuldade para a Electro Canalizadora de Camarate é a contratação de novos funcionários. A nossa empresa dá oportunidade a pessoas com e sem experiência. Não nos preocupamos com o fator idade, para nós todas as pessoas são uma mais-valia para a Electro Canalizadora de Camarate. Temos funcionários de vinte e poucos anos até setenta e poucos anos. Gostamos de juntar a experiência de uma pessoa mais velha com a agilidade física de uma pessoa mais nova. É esta diversificação que permite à Electro Canalizadora de Camarate manter os clientes fidelizados.

A falta de mão de obra qualificada e especializada é uma situação transversal a todas as atividades, mas é sentida com particular relevância no setor da construção civil. O realinhamento da formação profissional com as necessidades do mercado e a promoção de cursos de especialização tecnológica, poderão ajudar a colmatar esta lacuna?

A mão de obra qualificada é sempre uma mais-valia para qualquer empresa, esperemos que no futuro isso venha colmatar algumas lacunas. Contudo, é necessário um maior investimento do governo na qualificação da construção civil. 

Com um vasto portefólio de trabalhos realizados, a Electro Canalizadora de Camarate vem conquistando o mercado português, fruto da qualidade e profissionalismo. Quais os principais objetivos que a empresa ainda pretende alcançar num futuro próximo?

Neste momento, o principal objetivo é que a empresa se mantenha sólida em tempo de pandemia. No futuro, aumentar a nossa equipa e a lista de clientes é o principal objetivo a alcançar.