É de uma forma inspiradora que Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion, nos revela um percurso de resiliência que se revela determinante no sucesso da empresa que para além de vender imóveis, realiza sonhos.

Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion
Patrícia Magalhães, CEO Secretdevotion

A Patrícia Magalhães é um exemplo na liderança, dentro e fora da Secretdevotion. Comecemos a nossa conversa por conhecer um pouco melhor a mulher por detrás do negócio e de que forma foi traçando o seu admirável percurso profissional.

Tenho a sorte de ter tido um percurso profissional muito enriquecedor. Por volta dos 17 anos, comecei a trabalhar na Panasonic. Trabalhava e estudava e foram quase 20 anos dedicados a essa empresa, onde adquiri as minhas bases. Era um mundo de homens no qual me inseria, mas de uma forma muito natural me identifiquei mais a trabalhar com homens do que com mulheres, porque têm uma forma de estar diferente.

Depois estive quatro anos numa outra área profissional completamente diferente daquilo que estava habituada, a Vodafone, mas quando temos talento, vendemos qualquer coisa. Após esta experiência, por questões pessoais, decidi ficar em casa, mas não me identifiquei porque não sou mulher para ficar parada e sentia um vazio. Posteriormente, estive numa empresa e a certa altura percebi que queria mais para mim e foi aí que decidi criar a Secretdevotion, em segredo, daí o nome, e voei. É legítimo para qualquer ser humano querer mais. As denúncias e as dificuldades no início ainda me fizeram acreditar mais no projeto. O imobiliário é de facto criar felicidade. Tenho pessoas na minha vida que me deram as bases para ser quem sou hoje, os meus pais, o meu marido, as minhas filhas e os próprios clientes, por quem muito amor e carinho tenho. Portanto, o meu percurso profissional tem sido de altos e baixos, mas fizeram quem eu sou hoje e estou feliz com o que faço e por quem faço!

Quais são, na sua opinião, as principais características diferenciadoras da liderança feminina e que fazem também parte do seu ADN, enquanto líder e empreendedora?

Somos lutadoras, mães, mulheres, donas de casa e, por isso, acabamos por fazer várias tarefas. Pessoalmente, o meu marido está ausente do país, e tento gerir a minha agenda e a minha vida com as minhas filhas, os meus pais, os meus clientes. Conseguimos ser multifacetadas e o papel da mulher tem vindo a mostrar que também somos capazes.

No imobiliário, existem muitas mulheres e espero que ainda venham a existir mais, porque as mulheres querem afirmar-se perante a sociedade que está presente, que é capaz, inteligente e merecemos o mesmo lugar de igual forma que o homem. Para mim não há diferença de géneros, mas para a sociedade ainda existe.

Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion
Patrícia Magalhães, CEO Secretdevotion

Quais os serviços e produtos que a Secretdevotion oferece e de que forma a empresa vem alcançando uma posição de destaque no panorama nacional?

Continuo com as mesmas ideias e com a mesma forma de estar e de comunicação desde o início da Secretdevotion, primando sempre pela diferença e qualidade. Atualmente, fazemos cada vez mais vídeos, assim como o virtual tour, que corresponde à realidade exata do imóvel. O site, em termos de tecnologia, está muito avançado. Temos de saber adaptar-nos às nossas ferramentas. Por exemplo, o idealista não permitiu colocar este virtual tour, e pensei: de que modo vou conseguir? Como nós mulheres somos mais multifacetadas e criativas, decidi colocar códigos de barra nas imagens para que as pessoas consigam ver o virtual tour.

Outra característica, que para mim é determinante em termos profissionais, é o contacto com o ser humano. Considero-me muito atípica no mundo comercial, porque sou muito próxima do cliente. Continuarei a ser assim, completamente despretensiosa e é isso que me torna diferente. Não vou deixar de ser eu porque tenho uma empresa e talvez seja um dos motivos do meu sucesso no imobiliário. 

Explique-nos como são as suas visitas num processo de venda de um imóvel? O que valoriza, realça e considera importante de transmitir ao possível comprador? O que a distingue no face-to-face?

Eu acho que é a segurança que transmitimos ao comprador ou vendedor na angariação e tenho a certeza de que falar o mais abertamente possível, faz toda a diferença! Já tive vendas difíceis, mas tudo se resolve. Temos de ser sinceros, muito tranquilos, porque nós somos uma balança e temos de equilibrar as situações para que seja win-win para ambos. Prezo muito a transparência, porque não gosto de mentira e falsidade. Afasto-me quando vejo que as pessoas não são verdadeiras. Valorizo muito a seriedade e a transparência e acho que só assim o ser humano se entende.

As minhas visitas são sempre muito divertidas, sou formal quando tenho de ser, mas acabo por colocar os clientes completamente à vontade. Podemos estar todos ao mesmo nível, é isso que tento e tenho conseguido.

Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion
Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion

Presentemente, qual a sua visão sobre o mercado imobiliário nacional? Deixe-nos o seu testemunho e partilhe a sua experiência.

Estava com a esperança de que o mercado se alterasse um pouco, porque a Covid-19 veio alterar a vida dos portugueses. No entanto, pessoalmente, trabalhei muito mais durante a pandemia e fiz negócios, porque as pessoas estavam fechadas em casa e quem vivia nos centros urbanos começou a valorizar mais a compra de uma moradia fora desses centros para poderem respirar e ter tranquilidade.

Agora, o mercado está um pouco mais estagnado, porque infelizmente os números começaram a aumentar em Lisboa e o mercado sentiu de imediato. Há muito menos procura, as pessoas ficaram receosas, não há poder de compra e, quem tem, espera que o valor imobiliário baixe, o que não acho que vá acontecer. Noto que o número de estrangeiros que nos procuravam baixou drasticamente, porque estamos na lista negra de muitos países. Tenho procura, mas comparando com o ano passado está muito abaixo, uns 50% segundo a minha análise.

Criatividade, irreverência e personalidade são os alicerces e diferenciais da Secretdevotion, mas também o reflexo de uma liderança sui generis. O que podemos esperar no futuro?

O futuro passa por, além da contínua transparência e qualidade, algumas melhorias. Tenho a noção de que não vou poder continuar a ser eu a fazer tudo, pois a Secretdevotion tem crescido bastante. Durante a pandemia, dado o volume de trabalho, tive de contratar uma amiga e tenho a certeza de que terei de colocar mais pessoas a trabalhar comigo, uma vez que abrangemos todo o território nacional. Portanto, um dos meus objetivos principais é colocar mais comerciais, porque não consigo estar em todas as vertentes, apesar de adorar fazer o acompanhamento aos clientes. A promoção dos imóveis no site sou eu que faço, assim como toda a descrição. É algo que tenho muito gosto em fazer, dado as minhas bases em marketing. É muito gratificante ver a Secretdevotion crescer com base na confiança.

Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion
Patrícia Magalhães, CEO da Secretdevotion
Secretdevotion